6 de abril a 18 de maio
Santa Marta de Penaguião - Carrazeda de Ansiães
Régua - Pinhão - Sabrosa - Favaios - Mesão Frio


Cartaz | Sorteio

SANTA MARTA DE PENAGUIÃO

Auditório Municipal
Sábado | 06 abril | 21h30

LISÍSTRATA - A GREVE DO SEXO

Teatro Fórum Boticas

CARRAZEDA DE ANSIÃES

Auditório do CITICA
Sábado | 13 abril | 21h30

IDE DAR LAVAGEM À PORCA

Grupo de Teatro de Novelas (Penafiel)

SABROSA

Auditório Municipal
Sábado | 27 abril | 21h15

A FANTÁSTICA CAIXA MÁGICA

TEF - Teatro Experimental Flaviense


PINHÃO

Casa do Povo
Sexta-feira | 03 maio | 21h30

OS PELINTRAS

Grupo de Teatro Centro Cultural Lordelense

FAVAIOS

Teatro António Augusto Assunção
Sábado | 04 maio | 21h30

NÃO HÁ UMA SEM DUAS

Grupo Teatro Aldeia Verde

MESÃO FRIO

Auditório Municipal
Sábado | 11 maio | 21h30

FALAR VERDADE A MENTIR

Núcleo de Teatro A.C. Vermoim


PINHÃO

Casa do Povo
Sexta-Feira | 17 maio | 21h30

EU SOU O PESO FIDALGO...
EU SOU A RÉGUA VAREIRA

G.T. Univ. Sénior de Rotary do Peso da Régua


RÉGUA

Audir
Sábado | 18 maio | 21h30

AUTO DO BOM DESPACHO

Teatraço

O Evento

Desde 2009 que a Associação Vale d’Ouro tem organizado este certame tendo sempre em mente o seu contínuo alargamento, quer em espectadores quer em grupos de teatro participantes.
A história deste evento escreve-se nos últimos sete anos através de números significativos. A média de espectadores ronda os 100 por espetáculo tendo já sido produzidos para este certame mais de 50 eventos que ofereceram aos espetadores mais de 100 horas de teatro. Entre estreias absolutas e produções montadas exclusivamente para este certame estima-se que da mais de dezena e meia de companhias que passaram pelos palcos destra mostra estejam envolvidas cerca perto de 400 pessoas entre atores, técnicos e direção técnica e artística.
Hoje a Mostra de Teatro do Douro da Associação Vale d’Ouro marca o ritmo da produção teatral na região. Apesar da existência de certames similares na região, este é o único com a particularidade de, desde 2010, visitar diversos palcos e muitas vezes, no verdadeiro espirito do teatro amador, para públicos com parco acesso à cultura, melhorar e adaptar instalações preparadas para outros fins.

A Mostra de Teatro do Douro é um evento que contribuiu ativamente para a definição institucional da entidade que o promove, a Associação Vale d’Ouro, bem como para a diversificação da oferta cultural existente na região, em particular na área do teatro promovendo o intercâmbio entre os diversos intervenientes. Se os objetivos gerais e específicos, relacionados com a arte teatral se mantém sensivelmente inalterados ao longos dos últimos anos, sobretudo por se considerar que o trabalho artístico e criativo estará sempre inacabado e anualmente se renova num crescendo de qualidade, no plano institucional são revistos os objetivos que até aqui têm presidido a execução desta atividade.

Desta forma, este evento pretende atingir os seguintes objetivos gerais:

  • Contribuir para a diversificação da oferta cultural na região do Vale do Douro;
  • Criar uma rede de espetáculos integrada num projeto comum de divulgação da atividade teatral e dos grupos da região;
  • Apoiar a construção de agendas culturais através da realização deste certame;
  • Preservar o património cultural e etnográfico presente nas produções dos grupos de teatro participantes;
  • Permitir a divulgação do trabalho desenvolvido pelas entidades da região numa iniciativa concertada e de dimensão relevante;
  • Potenciar novos contactos entre os grupos de teatros, as entidades e os espectadores.

A organização da Mostra de Teatro do Douro acredita QUE se verifica atualmente um fenómeno de rede em torno deste evento e dos espetáculos de teatro para a qual esteve evento terá contribuído. É ainda notária uma aproximação global das várias entidades e um conhecimento mais alargado, por parte das entidades promotores, neste caso autarquias, dos diversos produtos culturais desenvolvidos pelas associações, sejam teatro ou outro tipo de manifestações.

Formato

Este certame é composto pela realização de espetáculos de teatro em diversos concelhos da região do Alto Douro Vinhateiro durante aproximadamente um mês.

O convite às localidades para integrarem a rede de espetáculos tem em conta a oferta cultural e o acesso a espetáculos, privilegiando-se os casos em que este evento representa uma significativa mais-valia contribuindo para a diversificação das opções culturais. Por outro lado, procura-se a máxima dispersão geográfica possível pelo Vale do Douro conferindo-lhe o caráter regional pretendido.

O festival contribui ainda para a preservação, valorização e divulgação do património cultural da região bem como estimula a produção de texto dramático em português, muitas vezes original.

Este é um evento que é atualmente sustentável no plano económico-financeiro beneficiando das permutas entre os diversos grupos de teatro, das parcerias com as entidades da região, Juntas de Freguesia e Câmaras Municipais, estas últimas com um preponderante papel ao nível de apoio logístico ao evento e os apoios de algumas entidades nacionais onde se destaca a Direção Regional de Cultura do Norte e a Fundação INATEL.






Apoios

Contactos

  • Associação Vale d'Ouro
    Edifício da Casa do Povo do Pinhão
    Rua António Manuel Saraiva, 57
    5085-037 Pinhão
  • 93 439 26 17
  • geral@associacaovaledouro.pt
  • Portal Associação Vale d'Ouro